Área de preservação permanente – APP

Segundo o Código Florestal – lei no. 4.771/65, a área de preservação permanente, APP – é uma área de grande importância ecológica, coberta ou não por vegetação nativa, que tem como função ambiental preservar os recursos hídricos, a paisagem, a estabilidade geológica, a biodiversidade, o fluxo gênico de fauna e flora, proteger o solo e assegurar o bem estar das populações humanas. Como exemplos de APP estão as áreas de mananciais, as encostas com mais de 45 graus de declividade, os manguezais e as matas ciliares. São áreas que precisam de autorizações especiais para perfuração de poços.